Este consultório tem como objectivo informar, ajudar e orientar os seus utilizadores na área da sexualidade e planeamento familiar.

Envie-nos a sua questão!

As questões são respondidas online. Todos os dados fornecidos, incluíndo nome e contacto são omitidos e não são divulgados. Os nomes usados são fictícios.
Pesquisar neste blog
 
Temas

aborto

adesivo

adesivo contraceptivo

agradecimento

álcool

amamentação

análises/exames

anatomia/fisiologia

anel

anel contraceptivo

candidíase

ciclo menstrual

citologia

citomegalovírus

coito interrompido

colagem de embalagens

consulta de planeamento familiar

consulta ginecológica

consultório planeamento familiar

contracepção oral de emergência

corrimento

diarreia

diu

diu cobre

dor

drogas

efeitos secundários

encaminhamento

espermatozóides

esquecimentos na toma

feliz ano novo

gravidez

gripe a

hemorragia

hemorragia de privação

herpes

hiv/sida

hpv

implante

implante contraceptivo

infecções

infecções sexualmente transmissíveis

informações gerais

injectável

interacção medicamentosa

laqueação de trompas

legislação

medicação

menopausa

menstruação

método do calendário

métodos contraceptivos

métodos definitivos

outros temas

período fértil

pílula

prática sexual

preliminares

preservativo

relação sexual

saúde

seropositivo

sexo anal

sexo oral

situação de diarreia

spotting

teste de gravidez

toxoplasmose

vacina

vasectomia

vómito

todas as tags

Segunda-feira, 29 de Março de 2010
Contracepção oral de emergência

Boa noite Sou mãe de um jovem de 15 anos que iniciou a sua vida sexual. No passado dia 19 de Março informou-me que durante a relação sexual com a sua namorada de 14 anos ao retirar o penis o preservativo ficou dentro. Depois de um contacto efectuado por mim com um profissional de saúde aconselhei a namorada a tomar a pilula do dia seguinte.. Ela tomou nas 12 horas seguintes. No dia 27 de março voltou a ter relações sexuais e o preservativo rompeu-se. Será aconselhável que a sua namorada tome novamente a pilula do dia seguinte? Com os meus agradecimentos fico a aguardar uma resposta vossa

Cara M.

A Equipa do Consultório de Planeamento Familiar agradece o seu contacto. Perante o que descreve é aconselhável a namorada do seu filho e o seu filho irem a uma consulta de atendimento a jovens e/ou de planeamento familiar nos Centros de Saúde ou em Gabinetes de atendimento a Jovens, a fim de a situação ser avaliada com exactidão por um/a profissional de saúde, como também terem algumas informações sobre a colocação correcta do preservativo. Isto porque a contracepção oral de emergência é um medicamento e como tal deve ser sempre acompanhado medicamente, e uma vez que irá fazer a 2ª toma dentro do mesmo ciclo é fundamental esta consulta, isto porque a eficácia da contracepção oral de emergência diminuiu se for tomada mais do que uma vez no mesmo ciclo menstrual. Também é importante verificarem o motivo da falha do preservativo, uma vez que é um excelente método contraceptivo quando utilizado de forma regular e correcta.

Esperamos ter esclarecido a sua questão, caso necessite ou fique ainda com alguma dúvida não hesite em voltar a contactar-nos.

Cumprimentos

A Equipa



publicado por APF às 14:14
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

Dra. Fátima Palma
Ginecologista e Obstetra, Maternidade Dr. Alfredo da Costa

Posts recentes

Esquecimento na toma da P...

Relacionamento Sexual

Interacção Medicamentosa

Métodos Contraceptivos

Métodos Contraceptivos

Métodos Contraceptivos

Anatomia/Fisiologia

Interacção medicamentosa

Interrupção da toma da pí...

Pílula contraceptiva e he...

Arquivos

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Março 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

blogs SAPO
Subscrever feeds