Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Consultório de Planeamento Familiar

Este consultório tem como objectivo informar, ajudar e orientar os seus utilizadores na área da sexualidade e planeamento familiar.

Consultório de Planeamento Familiar

Este consultório tem como objectivo informar, ajudar e orientar os seus utilizadores na área da sexualidade e planeamento familiar.

Interacção medicamentosa

10.02.10, APF

Boa noite,
Tenho 25 anos e nestes últimos meses o meu bem estar tem sido constantemente abalado por causas genito-urinárias.
Desde Agosto tenho sofrido de infecções urinárias recorrentes, conseguindo associá-las ao coito. Neste momento estou com Nitrofurantoína 50mg/dia como profilaxia e tomo a pílula Yasminelle. Gostaria de saber se este antibiótico anula o efeito do contraceptivo.
 Aproveitando a disponibilidade da equipa, peço que me ajudem a esclarecer outra questão. Vivo fora de Portugal e o sistema de saúde neste país funciona de modo bastante diferente e portanto é-me dificil ter acesso a uma consulta.
Contudo, como trabalho num hospital, tenho a possibilidade de enviar para o laboratório amostras de urina com frequência e a última (há 2 dias atrás) teve como resultado "leveduras/fungos". A verdade é que um dia antes da colheita de urina comecei a sentir algum desconforto na região vulvar, rubor e prurido, corrimento escasso branco/amarelado, espesso e sem cheiro. Depois de tanta antibioterapia (e uma higiene um tanto exagerada) sei que é normal que a minha flora vaginal se altere e por conseguinte fique sujeita a infecções fungicas. Tenho em casa óvulos e pomada antimicoticos que vou usar para tratamento, no entanto gostaria se saber qual a probabilidade de a minha bexiga estar também com cultura fúngica, uma vez que o facto de ter a uretra com fungos pode ter contaminado a amostra.
Desde já muito obrigada pela ajuda e esclarecimentos.
Atentamente,
 

Cara R.
A Equipa do Consultório de Planeamento Familiar agradece o seu contacto.
Segundo o Simpósio Terapêutico, o medicamento que se encontra a tomar não interfere com a eficácia da sua pílula contraceptiva. No entanto, é aconselhável que tenha uma consulta do âmbito de ginecologia a fim de ser observada e analisada as causas das respectivas infecções, por outro lado também é importante o seu parceiro realizar uma consulta e exames médicos.
Se trabalha num hospital, de certo que torna-se mais fácil obter uma consulta médica e embora os Sistemas de Saúde sejam diferentes, qualquer pessoa independentemente do país tem direito a ter assistência médica. É importante que não se auto-medique e que tenha uma consulta médica com brevidade.
Esperamos ter esclarecido a sua questão, caso necessite ou fique ainda com alguma dúvida não hesite em voltar a contactar-nos.
Cumprimentos
A Equipa