Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Consultório de Planeamento Familiar

Este consultório tem como objectivo informar, ajudar e orientar os seus utilizadores na área da sexualidade e planeamento familiar.

Consultório de Planeamento Familiar

Este consultório tem como objectivo informar, ajudar e orientar os seus utilizadores na área da sexualidade e planeamento familiar.

Relação sexual vs dor

29.10.09, APF

Boa tarde,

À cerca de um mês tenho sentido uma dor e um ardor bastante forte durante a relação sexual, que por vezes é acompanho por pequenas hemorragias. Iniciei a minha vida sexual à cerca de dois anos e apenas à bem pouco tempo deixei de sentir dor durante a relação, contudo nunca me tinham ocorrido hemorragias, apesar de mínimas. Gostaria que me ajudassem a tentar descobrir o que se passa e como posso resolver esta situação.

Aguardo respota, obrigado

 

Cara P.

A Equipa do Consultório de Planeamento Familiar agradece o seu contacto.

A dor na relação sexual pode estar associada a várias causas, quer de origem física, quer de origem psicológica. Se estas dores se tornam recorrentes, a mulher deve procurar o/a médico/a para que a causa da dor seja identificada e tratada, mas também para que a mulher possa manter uma vida sexual activa com qualidade. Assim, aconselhamos que realize uma consulta com o/a seu/sua médico/a assistente ou com o/a seu/sua ginecologista, com o objectivo de diagnosticar o seu problema, através de exames médicos e analises clínicas específicas. Para avaliar possíveis causas físicas, o técnico de saúde necessitará de saber qual a localização da dor, se existe relação entre a dor e posição sexual adoptada no acto sexual, quando teve inicio a dor, há quanto tempo sente a dor e, se observa em simultâneo outras queixas, tais como, corrimento, comichão, alteração do cheiro da vagina, ardor ao urinar, se faz alguma medicação, etc. Para avaliar as possíveis causas psicológicas o/a médico/a precisará de saber, entre outras causas se existem, problemas de comunicação do casal, sintomas de stresse e ansiedade, etc.

Esperamos ter esclarecido a sua questão, caso necessite ou fique ainda com alguma dúvida não hesite em voltar a contactar-nos.

Cumprimentos

A Equipa

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.