Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Consultório de Planeamento Familiar

Este consultório tem como objectivo informar, ajudar e orientar os seus utilizadores na área da sexualidade e planeamento familiar.

Consultório de Planeamento Familiar

Este consultório tem como objectivo informar, ajudar e orientar os seus utilizadores na área da sexualidade e planeamento familiar.

Preservativo...

10.05.09, APF

 


O preservativo masculino é um invólucro de látex pré-lubrificado ou em poliuretano ultrafino, que vem enrolado e é colocado no pénis erecto antes de qualquer contacto genital, isto porque, mesmo antes da ejaculação existe a produção do líquido pré-ejaculatório que pode já conter espermatozóides.

 

O preservativo funciona como que “uma barreira física” que impede os espermatozóides de entrarem na vagina, evitando assim uma gravidez e a transmissão de infecções.

 

O preservativo quando utilizado correctamente e de forma regular é muito eficaz. É o único método contraceptivo que para além de proteger de uma gravidez não planeada e desejada, também protege das infecções sexualmente transmissíveis quando uma das pessoas está infectada (e, por vezes, não sabemos), pelo que o preservativo tem um papel fundamental nesta prevenção.

 

A fim de utilizar um preservativo com mais segurança é necessário ter alguns cuidados, tais como:

·         o estado de conservação da embalagem;

·         certificação de qualidade;

·         prazo de validade;

·         conservação das embalagens dos preservativos em lugares frescos e afastados do sol directo;

·         abrir a embalagem com cuidado (sem utilizar objectos cortantes e evitar que as unhas rompam o preservativo);

·         utilizar o preservativo apenas uma vez;

·         não esquecer de usar sempre preservativos de marca conhecida, isto porque, os preservativos de marcas desconhecidas podem não estar certificados ou aprovados pela Defesa do Consumidor e pelas normas da União Europeia;

·         qualquer medicamento que se aplique no pénis ou na vagina poderá afectar o preservativo, em caso de dúvida fala com o médico.

 

Uma leitura do folheto informativo que acompanha a embalagem permite uma eficaz utilização deste método contraceptivo.

 


O preservativo deve ser colocado quando o pénis estiver em erecção e antes de qualquer contacto genital; deve-se segurar com os dedos a ponta do preservativo – reservatório ou depósito – para expulsar o ar (o ar em excesso pode fazer com este rebente). Posteriormente, coloca-se o preservativo e desenrola-se ao longo do pénis até à base e certifica-se que o depósito do preservativo se encontra vazio para receber o esperma.

Se for necessário uma lubrificação adicional, deve-se utilizar apenas lubrificantes à base de água. Após a ejaculação, com o pénis ainda em erecção, retira-se o preservativo com cuidado, fechando-o com um nó e deita-se no lixo.

 

Apesar de não ser uma situação comum, existem pessoas que fazem alergia ao látex e/ou ao lubrificante dos preservativos. Quando se experimenta várias marcas (com e sem lubrificante) e as reacções alérgicas se mantêm, o melhor será adquirir preservativos de poliuretano.

 

 

 

 

O preservativo feminino é um método contraceptivo utilizado pela mulher. É um método de barreira eficaz que evita a entrada dos espermatozóides e de agentes infecciosos na vagina.

O preservativo tem o forma de um tubo e em cada uma das extremidades um anel. Um destes anéis é fechado e inserido na vagina, de modo a “forrar” o colo do útero. A outra extremidade é aberta e ajusta-se em volta da abertura da vagina e da vulva. 

 

O preservativo feminino pode ser inserido até 8h antes da relação sexual e não deve ser utilizado em simultâneo com o preservativo masculino, isto porque o atrito causado pelos dois preservativos poderá fazer com que estes se rompam mais facilmente.

 

 

Como utilizar:

·         segurar o preservativo com a extremidade aberta voltada para baixo;

·         usar o polegar e o dedo médio para comprimir o anel flexível do lado fechado de forma a torná-lo um oval estreito;

·         com a outra mão, afaste os lábios da vulva;

·         inserir o anel e o preservativo na vagina;

·         usar o dedo indicador para empurrar o anel o mais profundamente possível na vagina;

·         inserir um dedo por dentro do preservativo até tocar a parte de baixo do anel,

·         empurrar o anel para trás do púbis;

·         assegurar de que o anel externo e parte do preservativo estão fora da vagina e sobre a vulva;

·         verificar se o pénis penetra no interior do preservativo.

 

No final da relação sexual, torcer o anel externo e puxar delicadamente o preservativo para fora. Retirar logo após a ejaculação, para que não escorra o liquido seminal para dentro da vagina.

 

Confirmar:

·              estado de conservação da embalagem;

·              certificado de qualidade;

·              prazo de validade;

·              conservar as embalagens dos preservativos em lugar frescos e afastados do sol directo;

·              abrir a embalagem com cuidado (sem utilizar objectos cortantes e evitar que as unhas rompam o preservativo);

·              utilizar o preservativo apenas uma vez;

·              use sempre preservativos com a marca de controle de qualidade e certificados pelas normas europeias.

·              ter atenção a cremes/loções/geles que se apliquem no pénis ou na vagina e que possam danificar o preservativo (fale sempre com o/a técnico/a de saúde).

 

 

Pode adquiri-los gratuitamente nos Centros de Saúde e nos Centros de Atendimento a Jovens. Também, pode comprá-los nas farmácias, nos supermercados, nas máquinas que se encontram nas discotecas, bares e centros comerciais (nestes casos, deves ter atenção ao período de validade dos preservativos e se estas máquinas estão no exterior, ou seja, expostas ao calor).

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.